Peça agora o seu cartão também pelo telefone: 0800 729 2071

pilates em casa
Esporte 16 de agosto de 2022

Descubra como praticar pilates em casa agora mesmo

Já pensou em fazer pilates em casa? Esse é um tipo de atividade física que auxilia no ganho de força muscular, flexibilidade, consciência corporal, entre várias outras vantagens. Sendo assim, vale a pena fazer, pelo menos, uma aula para experimentar a prática. Mas, e na falta de tempo livre no dia a dia ou quando […]

Já pensou em fazer pilates em casa? Esse é um tipo de atividade física que auxilia no ganho de força muscular, flexibilidade, consciência corporal, entre várias outras vantagens. Sendo assim, vale a pena fazer, pelo menos, uma aula para experimentar a prática.

Mas, e na falta de tempo livre no dia a dia ou quando a pessoa não encontra um estúdio de pilates em uma região próxima? Nesses casos, sempre tem como fazer pilates em casa.

Se você se identifica com essa descrição ou apenas tem vontade de praticar pilates sem sair de casa, acompanhe este post e veja como tornar isso uma realidade!

É possível praticar pilates em casa?

Como você viu, é possível praticar pilates em casa. Há várias formas de fazer isso:

  • com aulas ao vivo de instrutores de todo o mundo;
  • assistindo a vídeos gratuitos;
  • com o auxílio de um aplicativo.

Apesar de o pilates ser praticado com alguns equipamentos, a ideia principal desse tipo de treino é exercitar o corpo, de diferentes maneiras, utilizando principalmente a própria força corporal. Sendo assim, os acessórios servem apenas para auxiliar na realização do movimento, podendo ser substituídos por versões mais baratas ou por objetos que você encontra em casa.

Quais são os equipamentos necessários para praticar pilates em casa?

Já que você descobriu que é possível fazer pilates em casa, que tal, agora, conferir ótimas dicas para desfrutar ao máximo da prática? Para realizar determinados movimentos na posição adequada, você pode precisar de alguns equipamentos.

Esses acessórios servem, por exemplo, para melhorar a postura, aumentar a carga dos pesos levantados e auxiliar no alongamento. Dentre os equipamentos que você pode utilizar durante a prática, podemos citar:

  • colchonete — ajuda a se apoiar no chão, seja de pé, na posição sentada ou deitada, sem escorregar;
  • cadeira — qualquer modelo que você encontrar em casa, exceto a de rodinhas, serve de apoio para várias posturas;
  • faixa elástica — colabora para trabalhar a força e alongar os mais diversos membros do corpo;
  • anel de pilates — mais um equipamento que ajuda no fortalecimento do tônus muscular de diferentes partes do corpo;
  • bola de ginástica — ajuda a aumentar a intensidade ou serve de apoio para vários exercícios de pilates;
  • meia bola de equilíbrio — excelente para fazer posturas mais desafiadoras e aumentar a consciência corporal.

Quais são os exercícios de pilates possíveis de fazer em casa?

Depois de conhecer os principais equipamentos de pilates que podem ser utilizados em casa, chegou a hora de descobrir quais exercícios você pode reproduzir.

Para começar, é importante encontrar um espaço livre em casa, que não tenha obstáculos no chão ou na parede. Assim, é possível se movimentar livremente, sem riscos de se machucar ou derrubar algum objeto.

Além disso, antes de começar uma série de repetições de exercícios de pilates, lembre-se sempre de se alongar. Esse cuidado é fundamental para diminuir os riscos de lesões nas articulações ou nos músculos.

Outro ponto importante é que o pilates é uma técnica que precisa ser instruída e acompanhada por profissionais especializados, como fisioterapeutas e educadores físicos. Sendo assim, conte com o apoio dessas pessoas durante a sua prática.

Cuidou de todos os preparativos? Então, veja só alguns exemplos de exercícios que podem ser feitos em casa!

Alongamento

Que tal começar com mais um pouco de alongamento? Assim, seu corpo já fica preparado para o restante da prática. Sente-se confortavelmente sobre o colchonete, com as pernas e os braços esticados para a frente do corpo.

Tente, ao máximo, manter as pernas alinhadas à linha do quadril e os braços na direção dos ombros. Certifique-se também de que a coluna está ereta e o bumbum bem apoiado no chão.

Em seguida, flexione lentamente o corpo para a frente, sem tirar o bumbum do chão. A ideia é tentar aproximar a barriga das coxas, sem dobrar a coluna. Desça o máximo que você conseguir, respeitando o seu limite, e retorne.

Faça cerca de 10 repetições em 3 séries, no máximo. Com o tempo, você vai perceber que o alongamento se torna mais fácil e mais potente. Quer variar esse exercício? Então, pegue uma faixa elástica, posicione-se nas costas e puxe as pontas com as mãos, segurando-as na lateral do corpo. Em seguida, faça o mesmo movimento, sem soltar o acessório.

Fortalecimento

Agora, vamos trabalhar a força muscular do abdômen e das pernas? Deite-se sobre o colchonete, com os joelhos flexionados. É importante que a sola dos pés e as costas estejam inteiramente apoiadas no chão.

Em seguida, contraia o abdômen e faça força para erguer apenas o quadril, sem tirar as costas e os pés do chão. Levante e abaixe cerca de 15 vezes, em 3 séries. Para variar, apoie o anel entre as coxas durante os exercícios.

Para trabalhar os braços e as costas, você pode fazer um exercício que consiste em:

  • sentar-se com as pernas esticadas e apoiar os braços no chão, ao lado dos quadris;
  • apoiar as pontas dos pés no chão, esticando todo o corpo;
  • fazer força para levantar os quadris, contraindo sempre o abdômen, segurando o corpo com as mãos e os pés apoiados no chão.

Você pode se manter nessa postura, em prancha invertida. Se achou o exercício simples e deseja variar, levante uma perna por vez, esticando-a no ar, com a ponta do pé também alongada.

Equilíbrio

Por que não desafiar um pouco o seu equilíbrio? Se você tem a meia bola, posicione-a com a parte curva voltada para o chão. Em seguida, apoie as mãos ou os braços na superfície do equipamento e estique as pernas, na postura de prancha. Tente se manter nessa posição o máximo que conseguir, sempre contraindo o abdômen.

Não tem nenhum equipamento, mas gostaria de exercitar o equilíbrio em casa? Então, faça a prancha sobre o colchonete ou em cima de um tapete, para não escorregar. Role o corpo para o lado direito, deitando o pé direito no chão e apoiando apenas a ponta do pé esquerdo.

Perceba que todo o seu peso está sendo sustentado pela mão direita e os pés. Em seguida, estique o braço esquerdo para cima e se mantenha na postura por alguns segundos. Depois, é só fazer o mesmo com o outro lado do corpo.

Essa é uma postura desafiadora, que envolve muita força. Por isso, contraia bem o abdômen durante todo o tempo. Para facilitar, é possível apoiar os cotovelos e o joelho no chão, repetindo o mesmo movimento.

Quais são os benefícios de praticar pilates em casa?

Achou interessante a ideia de fazer pilates em casa? Então, saiba o que você pode ganhar ao praticar com frequência:

  • fortalecimento muscular;
  • diminuição da tensão e do estresse;
  • melhora da postura e alívio das dores nas costas;
  • perda de peso;
  • autoconhecimento;
  • aumento da autoestima;
  • incentivo à vida saudável.

Viu só como é possível fazer pilates em casa? O importante é sempre respeitar os seus limites e dar início à prática com a autorização de um médico, além de contar com a assistência de um profissional especializado, ok? Assim, você pode cuidar da saúde física e mental ao mesmo tempo, com muito mais qualidade de vida e bem-estar.

Se você gostou deste post, não se esqueça de compartilhar com os amigos nas redes sociais!

Cartão de TODOS

Redator

Olá! Como podemos ajudar?